Loading...

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

SEGREDOS COM DEUS


O registro na Bíblia é claro: Israel (Jacó) amava mais a José do que aos outros dez filhos, pois era o filho de sua velhice.

Jacó tinha 90 anos quando nasceu José.Jacó era um homem riquíssimo, pois havia prosperado muito após trabalhar vários anos para Labão.

José conviveu com essa rotina e, com certeza, aprendeu a administrar os recursos que Deus havia dado a seu pai. Por ser o filho caçula e, automaticamente, o centro das atenções, José despertava um grande mal estar no convívio com os irmãos gerando muito ciúme. A história tem o seu registro em Gênesis capítulo 37:4.

José carregava dentro de si um tesouro secreto que foi descortinando aos poucos. Quando ainda adolescente recebeu de Deus o dom da revelação de sonhos proféticos.

Quando José contou sobre um sonho que teve, em que sua família se prostrava diante dele, a ira tomou conta do coração de seus irmãos e na primeira oportunidade o venderam como escravo para o Egito, escondido de seu pai, com a desculpa de que um animal feroz o havia comido.

O sonho mais tarde veio a se cumprir quando José assumiu a segunda posição do reinado de todo o Egito.

Existem alguns propósitos que Deus põe no coração do homem para que ele trabalhe em cima daquela promessa. Revelar tudo que Deus põe em nosso coração a outras pessoas não é sábio.

Alguns projetos podem gerar inveja, ódio, frustração e outros sentimentos malignos naqueles que não estão na mesma fé e na mesma visão. O livro de Provérbios 14:30 diz que a inveja é a podridão dos ossos.

Quando se tem o Senhor como cúmplice, as promessas se concretizam e os sonhos passam a ser uma realidade na vida do cristão.

Deus abençoe todos abundantemente
Paulo Roldão

Nenhum comentário:

Postar um comentário